Artigos

Doações diretamente na declaração: um ato que beneficia todos

Por: Agenor Cerqueira de Freitas Neto, Empresário contábil, presidente do SESCAP-Bahia, membro do Grupo Business Bahia e da Associação Comercial do Estado da Bahia

Doações diretamente na declaração: um ato que beneficia todos
Da Redação

Da Redação

22/04/2021 11:00am

Doar é transferir de forma legal e gratuita uma vantagem para outra pessoa. E é demonstrando a dedicação à assistência infantil que o cidadão pode contribuir para a transformação e manutenção do Hospital Martagão Gesteira. 

Focando o atendimento de crianças e adolescentes de 0 a 14 anos, o Hospital Martagão Gesteira oferece assistência de 26 especialidades médicas pediátricas - com destaque para áreas de alta complexidade, como Oncologia, Cardiologia e Neurologia -, sendo sustentado exclusivamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e por doações feitas por pessoas que querem ajudar mais de 80 mil pacientes por ano, todos crianças e adolescentes carentes, a terem uma esperança de vida. 

Mas apesar de enxergar as necessidades do próximo e querer fazer algo para supri-las, mesmo com todas as evidências comportamentais e neurais que apoiam a ligação entre generosidade e felicidade, a questão financeira acaba afastando o cidadão desse nobre ato: “Por que gastar com uma doação?”. 

Para as pessoas que pensam assim, vamos falar das Doações Diretamente na Declaração do Imposto de Renda. Uma forma que o cidadão tem de poder destinar uma parte do Imposto de Renda devido por ele a uma instituição de assistência à criança e ao adolescente ou mesmo a uma instituição de assistência ao idoso. 

Todo cidadão que está obrigado a fazer a Declaração do Imposto de Renda, que opta pela modalidade de apuração do imposto pelas Deduções Legais e tem imposto a pagar, poderá destinar até 3% do imposto devido diretamente para uma instituição de assistência de âmbito nacional, estadual ou municipal, e sem aumentar os gastos. Uma opção que é dada ao cidadão de escolher onde deve ser aplicada uma parcela do seu imposto devido. 

Como doar

Para doar e ajudar as Obras Assistenciais do Hospital Martagão Gesteira, é preciso seguir os seguintes passos: durante o processo de informação dos dados da sua declaração, acesse o item “Doações Diretamente na Declaração”, constante das Fichas da Declaração. Em seguida, selecione a aba “Crianças e Adolescentes”, adicione uma “Nova Doação”, marque o “Tipo de Fundo” como “municipal, Salvador, Bahia”. O programa da Receita Federal calculará o seu potencial de doação automaticamente. O valor aparecerá no canto direito da tela. Basta digitar esse valor para realizar a destinação. 

Após transmitir a sua declaração, faça a impressão dos DARFs. Efetue o pagamento até a data-limite estabelecida pela Receita Federal do Brasil e envie uma cópia do DARF (Código da Receita 3351) e do respectivo comprovante de pagamento para os seguintes e-mails: projetos@labcmi.org. br e fmdca.spmj@salvador.ba. gov.br. 

Para que a sua doação seja efetivamente direcionada para as obras do Martagão, é importante que sejam enviados: o comprovante de pagamento do DARF (Código da Receita 3351), nome completo, CPF, endereço e telefone do doador para os e-mails mencionados acima, informando no assunto a frase “Doação direcionada ao Hospital Martagão Gesteira”. 

Pronto! Um gesto simples e que torna as pessoas que doam realizadas e, consequentemente, mais felizes! As crianças e os adolescentes assistidos pelo Hospital Martagão Gesteira agradecem.